Docência, matemática e escolas multisseriadas: o que há de novo no cenário?

Ieda Maria Giongo, Marli Teresinha Quartieri

Resumo


O presente texto tem por objetivo problematizar a docência em um conjunto de escolas rurais multisseriadas, sobretudo ao que se refere o ensino de Matemática. Tendo como referencial teórico os estudos vinculados às teorizações pós-estruturalistas, o material de pesquisa está constituído por enunciações de quatro docentes e quatro homens, trabalhadores rurais que residem nas duas comunidades escolares. A análise do material de pesquisa, amparada na análise do discurso na perspectiva foucaultiana, evidenciou que: a) as docentes entrevistadas expressam que o ensino de geometria nos anos iniciais é pouco enfatizado; b) as fronteiras entre os espaços rurais e urbanos estão amainadas. Os resultados evidenciam que pensar em processos de formação continuada em escolas multisseriadas pressupõe pesquisa na comunidade escolar.


Palavras-chave


pesquisa; docência; ensino fundamental; ensino de matemática

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v9i2.237588

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br