NÍVEIS DE PENSAMENTO GEOMÉTRICO DE ALUNOS DO ENSINO MÉDIO NO ESTADO DE PERNAMBUCO: um estudo sob o olhar vanhieliano
GEOMETRIC THOUGHT LEVELS OF STUDENTS OF THE MIDDLE SCHOOL IN THE STATE OF PERNAMBUCO:A study based on Van Hiele's theory

André Pereira da Costa, Marcelo Câmara dos Santos

Resumo


Este trabalho objetivou verificar os níveis de pensamento geométrico de 300 alunos do Ensino Médio de cinco instituições públicas de Ensino Básico do Estado de Pernambuco, segundo a ótica da teoria de Van-Hiele (1957).  Nesse sentido, o instrumento de coleta de dados utilizado foi um teste de sondagem composto por cinco itens relacionados ao conceito de quadriláteros notáveis, que foi aplicado com esses alunos entre os meses de maio e junho de 2014. Aqui discutimos os dados produzidos pelos itens 02, 03, 04 e 05 do teste, voltando nosso olhar para os dois primeiros níveis da teoria vanhieliana, realizando, dessa forma, uma análise qualitativa e quantitativa desses dados. Entre os resultados obtidos, destacamos que a maior parte dos participantes do estudo ainda se encontra no nível básico de pensamento geométrico da teoria de Van-Hiele, no qual o discente reconhece as figuras geométricas somente por meio de sua aparência. Além disso, identificamos um reduzido número de alunos no segundo nível vanhieliano, que corresponde ao reconhecimento das figuras geométricas a partir de suas propriedades. Todavia, conforme Van-Hiele (1999), o ideal seria que os alunos, ao concluírem o Ensino Básico, deveriam ser capazes de realizar a ordenação das propriedades das figuras, que corresponde ao terceiro nível de sua teoria.

Abstract

This study’ aim to verify the geometric thinking level of 300 high school students from five public institutions of Basic Education in Pernambuco' State, according to Van-Hiele (1957) theory. Thus, the tool used was a probing test with five items related to the concept of notable quadrilaterals, which was applied with these students in the period of May and June 2014. Here we discuss the data produced by the questions 02, 03, 04 and 05 of the test, turning our attention to the two first levels of Van-Hiele theory, making a qualitative and quantitative analysis of this data. Among the results, we highlight the majority of participants is at basic level of the 2 EM TEIA – Revista de Educação Matemática e Tecnológica Iberoamericana – vol. 7 - número 3 – 2016 geometric thinking of Van-Hiele' theory, in which the student recognizes the geometric figures only by their appearance. In addition, we identified a small number of students in the second Van-Hiele’ level (which corresponds to the recognition of geometric figures based on their properties) and third Van-Hiele’ level (characterized by ordering of properties of figures) However, as Van-Hiele (1999), would be ideal for students to be able to perform the understand the function of the different elements of a deductive structure, which corresponds to the fourth level of Van-Hiele’ theory.

 


Palavras-chave


quadriláteros notáveis; Van-Hiele; reconhecimento

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36397/emteia.v7i3.8274

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2177-9309

Contato: revista.emteia@ufpe.br