ENTRE CRAVOS: MEANDROS DA FEITURA DO TERRITÓRIO NO INTERIOR DE ACARÁ, PARÁ

Paulo Olívio Correa de Aquino Junior

Resumo


A territorialização do agronegócio do dendê é um processo complexo que demanda de quem o pretende abordar uma série de observações, reflexões e também acesso a informações que nem sempre são fáceis. A partir de São Francisco do Cravo, comunidade de Acará, Pará, procuro enveredar no tema centrado na comunidade, sua formação, suas moradoras e moradores e as estratégias deles e do agronegócio na disputa por território. O trabalho está dividido em uma apresentação breve sobre o Vale do Acará, seguida pela formação da comunidade de São Francisco do Cravo, para daí se debruçar sobre um sítio a situação de um sítio no Ramal do Cravo e sobre as comunidades dentro da comunidade, buscando dar um panorama em “vista demorada” sobre a complexa trajetória da comunidade avizinhada pelo agronegócio do dendê.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 
 
 LATINDEX
 
Thumbnail
 
 
Sumários.org