Análise Agroclimática do Melão na Região Sudoeste Mato-Grossense

Rafaella Ferreira Neres de Queiroz, Sandra Mara Alves da Silva Neves, Rivanildo Dallacort, Santino Seabra Junior, Ronaldo José Neves, Tamires da Silva Machado

Resumo


Este trabalho teve como objetivo realizar a análise agroclimática aplicada à cultura do melão na região sudoeste mato-grossense, visando a identificação das áreas com aptidão para o cultivo do melão e a geração de subsídios que contribuam para o planejamento da produção, de acordo com as diferentes épocas do ano, e redução de risco na tomada de decisão do plantio. A metodologia consistiu na aplicação de ferramentas geotecnológicas associadas a banco de dados climáticos processados em ambiente SIG. As classes de aptidão para a cultura do melão foram obtidas pela combinação dos mapas de geomorfologia, pedologia, temperatura, precipitação e unidades ambientais de Mato Grosso. Os resultados demostraram que a maior concentração pluvial ocorre entre os decêndios 1 a 9, 30 e 36, com maior estiagem nos decêndios 16 a 24. As temperaturas médias anuais variaram de 22 ºC e 26 ºC com mínimas entre 14 ºC e 21 °C e máximas atingindo 30ºC a 33°C. O período ideal para a semeadura deve ocorrer a partir do decêndio 11, finalizando a semeadura no decêndio 22, para que a colheita ocorra antes da estação chuvosa. Os municípios que apresentaram uma maior janela de aptidão foram: Cáceres, Curvelândia, Glória D’Oeste, Lambari D’Oeste e Mirassol D’ Oeste. Concluiu-se que há municípios da região sudoeste de Mato Grosso que apresentam potencial para o cultivo do melão, podendo esta cultura constituir-se em uma das alternativas de geração de renda para a agricultura familiar.

 

A B S T R A C T

 

The objective of this study was to perform agro-climatic analysis applied to melon crop in Mato Grosso southwest region, to identify areas of suitability for growth of melons, generating subsidies that contribute to the production planning, in accordance with different times of year, and reduce risk in decision making planting. The methodology consisted in applying geotechnology tools associated with climatic database processed in SIG environment. Classes of suitability for the melon crop were obtained by combining the maps of geomorphology, pedology, temperature, rainfall and environmental units of Mato Grosso. Results demonstrated that most rain concentration occurs between the decendial 1 to 9, 30 and 36, with higher drought during periods from the decendial 16 to 24. Annual average temperatures ranges from 22 ºC to 26 ºC with minimum temperatures between 14 °C and 21 °C and maximum temperature reaching from 30 °C to 33 °C. The Ideal period for sowing should occur from the decendial 11, ending the sowing at the decendial 22, so the harvest must occur before the rainy season. The municipalities that had larger window of suitability were Cáceres, Curvelândia, Glória D' Oeste, Lambari D' Oeste and Mirassol D' Oeste.It is concluded that there are municipalities in southwest region of Mato Grosso that have potential for melon cultivation, and this could form themselves into one of the alternatives to generate income for the family farm.

 

Keywords: Geotechnology, zoning, regional planning, climate suitability.

 


Palavras-chave


Geotecnologias, zoneamento, planejamento regional, aptidão climática.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v9.1.p215-225

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License