Geoprocessamento aplicado ao levantamento e avaliação de solos: proposta de avaliação de terras para fins agrícolas no Município de Inconfidentes – MG (Geoprocessing applied to survey and evaluation of soils: proposal for the evaluation of land for agricultural purposes in the City of Inconfidentes – MG)

Rafael Lacerda Cobra, Rita de Cássia da Silva, George Fernando Alex Dias de Oliveira, Daniela Lopes de Miranda, Fernanda Aparecida Leonardo, Márcio Luiz da Silva

Resumo


A crescente da demanda por alimentos, fibras e energia proveniente da produção agrícola requer o uso eficiente das terras e conservação do solo e água para o aumento ou manutenção da produtividade das culturas. O planejamento do uso da terra é essencial para a gestão destes recursos naturais e redução de impactos ambientais negativos. A avaliação da aptidão agrícola é uma ferramenta de planejamento muito eficaz em bacias hidrográficas, municípios e regiões. A aplicação dessa metodologia depende de dados climáticos, relevo e levantamento pedológico que são interpretados quanto à deficiência de fertilidade, de água, de oxigênio, suscetibilidade à erosão e impedimentos à mecanização para a avaliação, além de três níveis de manejo do solo. Nesse sentido, esse trabalho objetivou avaliar a aptidão agrícola das terras para o Município de Inconfidentes-MG. As operações foram realizas em ambiente de Sistema de Informações Geográficas (SIG) com o software IDRISI e planilhas de classificação da aptidão (Excel®). A aptidão foi avaliada com base em dados de levantamento pedológico (mapeamento e análises de solo) e clinográfico do município. Em Inconfidentes ocorre o predomínio de relevo acidentado e solos com sérias restrições para uso agrícola. A qualidade dos solos com limitações químicas, físicas, pouca profundidade e situados em relevos mais acidentados determinaram o predomínio da aptidão agrícola regular para lavouras no nível de manejo C, restrito nos níveis A e B e boa para pastagem plantada.

 

 

 

A B S T R A C T

The increasing demand for food, fiber and energy from agricultural production requires the efficient use of land and soil and water conservation to increase or maintain crop productivity. The planning of land use is essential for managing these natural resources and reducing negative environmental impacts. The evaluation of agricultural aptitude is a very effective planning tool in hydrographic basin, municipalities and regions. The application of this methodology depends on climatic data, relief and pedological surveys that are interpreted regarding the deficiency of fertility, water, oxygen, susceptibility to erosion and impediments to mechanization for evaluation, as well as three levels of soil management. In this sense, this work aimed to evaluate the agricultural suitability of the land for the Municipality of Inconfidentes, Minas Gerais State. The operations were carried out in a Geographic Information System (GIS) environment with IDRISI software and Excel spreadsheets. The aptitude was evaluated based on pedological survey (mapping and soil analysis) and clinographic data of the municipality. In Inconfidentes occurs the predominance of rugged relief and soils with serious restrictions for agricultural use. The quality of the soils with chemical, physical, shallower and shorter slopes determined the predominance of regular agricultural aptitude for crops at management level C, restricted at levels A and B and good for planted pasture.

Keywords: Clinography, pedological survey, soil physical and chemical attributes, agricultural aptitude


Palavras-chave


Clinografia; Levantamento pedológico; Atributos físicos e químicos do solo; Aptidão agrícola

Texto completo:

PDF

Referências


Akıncı, H., Özalp, A. Y., Turgut, B., 2013. Agricultural land use suitability analysis using GIS and AHP technique. Computers and Electronics in Agriculture 97, 71-82.

Araújo, Q. R., 2002. 500 anos de uso do solo no Brasil. XIII Reunião brasileira de manejo e conservação do solo e da água (XIII RBMCSA), pp. 605.

Bonfante, A., Monaco, E., Alfieri, S. M. De Lorenzi., Manna, P., Basile, A., Bouma, J., Donald, L. S., 2015. Chapter Two - Climate Change Effects on the Suitability of an Agricultural Area to Maize Cultivation: Application of a New Hybrid Land Evaluation System. Advances in agronomy 133, 33-69.

Cessa, R. M. A., Faria, G. S. M., Ribeiro, Â. F. D. N., 2014. Uso da terra em uma porção da microbacia do Rio Dourados. Revista Agrogeoambiental 6, 1. n. 51-58.

Corseuil, C. W., Campos, S., Ribeiro, F. L., Pissarro, T. C. T., Rodrigues, F. M., 2009. Geoporcessamento e sensoriamento remoto aplicando na determinação da aptidão agrícola na microbacia. Irriga 14, 12-22.

Elsheikh, R., Mohamed Shariff, A. R. B., Amiri, F., Ahmad, N. B., Balasundram, S. K., Soom, M. A. M., 2013. Agriculture Land Suitability Evaluator (ALSE): A decision and planning support tool for tropical and subtropical crops. Computers and Electronics in Agriculture 93, 98-110.

EMBRAPA. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, 2006. Sistema brasileiro de classificação de solos. 2. ed. Centro Nacional de Pesquisa de Solos, Embrapa Solos, pp. 306. Rio de Janeiro.

Filho, G. B. R., Filho, J. C. A., Carvalho, R. M. C. M. O., Araújo, M. S. B., Frutuoso, M. N. M. A., Brandão, S. S. F., 2016. Potencial agroecológico do município de Itacuruba, Pernambuco, Brasil. Revista Brasileira de Geografia Física 09, 172-184.

IPT. Instituto de Pesquisa Tecnológico, 1981. Mapa geomorfológico do Estado de São Paulo 01, São Paulo.

Malczewski, J., 2004. GIS-based land-use suitability analysis a critical overview. Progress in Planning 62, 1. n. 3-65.

Menezes, M. D. D., Curi, N., Marques, J. J., Mello, C. R. D., Araújo, A. R. D., 2009. Levantamento pedológico e sistema de informações geográficas na avaliação do uso das terras em sub-bacia hidrográfica de Minas Gerais. Ciência e Agrotecnologia 33, 1544-1553.

Oliveira, J. B., 1999. Solos do Estado de São Paulo: descrição das classes registradas no mapa pedológico. Boletim Científico 45, Instituto Agronômico de Campinas, São Paulo.

Pedron, F. D. A., Poelking, E. L., Dalmolin, R. S. D., Azevedo, A. C. D., Klant, E., 2006. A aptidão de uso da terra como base para o planejamento da utilização dos recursos naturais no município de São João do Polêsine - RS. Ciência Rural 36, 105-112.

Ramalho Filho, A., Beek, K. J., 1995. Sistema de Avaliação da Aptidão Agrícola das Terras. 3. ed. Embrapa. Rio de Janeiro.

Santos, R. D., Lemos, R. C., Santos, H. G., Ker, J. C., Anjos, L. H. C., 2005. Manual de descrição e coleta de solo no campo. 5. ed. Sociedade Brasileira de Ciência do Solo. Viçosa.

Silva, E. B., Nogueira, R. E., Ayrton, A., Uberti, A., 2010. Avaliação da aptidão agrícola das terras como subsídio ao assentamento de famílias rurais, utilizando sistemas de informações geográficas. Revista Brasileira Ciências do Solo 34, 1977-1990.

Souza, A. C. C., Silva, M. L., 2016. Geoprocessamento aplicado ao levantamento de solos no município de Inconfidentes-MG. Revista Brasileira de Geografia Física 9, 200-214.

Stockmann, U., Minasny, B., Mcbratney, A. B., 2014. How fast does soil grow? Geoderma 216, 48-61.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v12.2.p397-411

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Revista Brasileira de Geografia Física - eISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License