Tragédia, amor e ciúmes: o texto dramático em cena na microssérie Capitu

Renan da Silva Dalago

Resumo


O presente artigo tem o objetivo de tecer ponderações, a partir de uma perspectiva crítica e analítica, sobre o texto dramático na microssérie televisiva Capitu, que estreou em 9 de dezembro de 2008, com 5 capítulos, pela Rede Globo de televisão. A presente obra audiovisual, com uma estrutura teatral, foi dirigida por Luiz Fernando Carvalho e é uma adaptação do livro Dom Casmurro, de Machado de Assis. Como referencial teórico, utilizamos os estudos realizados por Betella (2014), Cardoso Filho (2011), Gonzaga (2004), Guimarães (2019), Junió (2108), Mendes (1995), Rosenfeld (1985), Szondi (2001). Verifica-se que Carvalho, como diretor e dramaturgo, traz para dentro do universo romanesco de Dom Casmurro, um texto dramático, para dar unidade à microssérie e dentro desta, em suma, todo roteiro é feito e encenado a partir do teatro, com texto, cena, iluminação e representação que nos insere nos textos dramáticos e teatrais em um processo de catarse, elemento extremamente importante para a narrativa dramática.


Palavras-chave


Texto dramático; Dom Casmurro; Catarse; Microssérie; Machado de Assis.

Referências


ARISTÓTELES. Poética. Porto Alegre: Globo, 1966.

BETELLA, Gabriela Kvacek. Melodrama em falso e pedagogia social de Capitu, de Luiz Fernando Carvalho: a adaptação de Dom Casmurro para o audiovisual em três lições. Poéticas Visuais, Bauru, v. 5, n. 1, p. 83-94, 2014.

CAPITU [Microssérie – 5ep]. Direção: Luiz Fernando Carvalho. Roteiro: Euclydes Marinho. Colaboração: Daniel Piza, Luís Alberto de Abreu e Edna Palatnik. Texto Final: Luiz Fernando Carvalho. Produtora: Rede Globo de Televisão, 2008. GloboPlay, son., corlor.

CALDWELL, Hellen. O Otelo brasileiro de Machado de Assis. Um estudo de Dom Casmurro. São Paulo: Ateliê Editorial, 2002.

CARDOSO FILHO, Antonio. O Gênero Dramático. In: CARDOSO FILHO, A. Teoria da Literatura I. São Cristóvão: Universidade Federal de Sergipe, CESAD, 2011. Disponível em Acesso em: 29 de abr. de 2020.

CUNHA, João Manuel dos Santos. De Dom Casmurro a Capitu: problemas de um percurso transtextual. Nau Literária – crítica e teoria da literatura em língua portuguesa, PPG–LET UFRGS – Porto Alegre, v. 04, n. 01, jan/jun 2008, p. 1-19. Disponível em: Acesso em: 01 mai. 2020.

GONZAGA, Sergius. Curso de literatura brasileira. Porto Alegre: Leitura XXI, 2004.

GUIMARÃES, Hélio de Seixas. Helen Caldwell, Cecil Hemley e os julgamentos de Dom Casmurro. Machado de Assis em Linha. São Paulo, v. 12, n. 27, p. 113-141, agosto 2019. Disponível em: Acesso em: 01 mai. 2020.

JUNIÓ, Cesar B. de Souza. O texto dramático como objeto de arte e sua inte-relação com o leitor. Revista Diálogos, v. 6, n. 3, out-dez, 2018.

KUNSLE, Rosiélen Kuhn. Análise do olhar feminino em Dom Casmurro: Um olhar sobre Capitu. Trabalho de Conclusão de Curso de Letras. Sob Supervisão da Prof. Ms. Lucia Regina Lucas da Rocha. UNISALLE, Canoas, 2009.

LAURETTI, Patrícia. Sob o crivo do leitor ciumento: estudo analisa adaptações de Dom Casmurro para a televisão e história em quadrinhos. Jornal da Unicamp, Campinas, 3 a 16 de outubro de 2016. Disponível em: Acesso em: 01 mai. 2020.

MAGALDI, Sabato. Iniciação ao teatro. Rio de Janeiro: Ao livro técnico, 1965.

MENDES, Cleise Furtado. As Estratégias do Drama. Salvador: Centro Editorial e Didático da UFBA, 1995.

ROSENFELD, Anatol. O teatro épico. São Paulo: Editora Perspectiva, 1985.

SZONDI, Peter. Teoria do drama moderno (1880-1950). Tradução de Luiz Sérgio Repa. São Paulo: Cosac & Naify Edições, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Autor, concedendo à revista o direito à primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:1984-7408

 

Licença Creative Commons
Esta revista possui trabalhos licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.