Percepção Ambiental e Inventário dos Serviços Ecossistêmicos nas Praias do Pina e Boa Viagem, Recife, Pernambuco (Environmental Perception and Inventory of Ecosystem Services in the Pina and Boa Viagem Beaches, Recife, Pernambuco)

Nivaldo Lemos de Souza, Maria Fernanda Torres, Antonio Vicente Ferreira Junior

Resumo


Este trabalho se pauta pela crescente urbanização na região costeira da cidade do Recife e como isso afeta a oferta dos serviços ecossistêmicos ao decorrer do litoral recifense. Buscou-se, também, as especificações das diferenças sobre percepção ambiental nas praias do Pina e Boa Viagem, localizadas na cidade de Recife, Pernambuco.  Para a caracterização das diferentes percepções que os frequentadores possuem acerca da praia e dos arenitos e para inventariar os serviços ecossistêmicos, foram feitas aplicações de questionários e o preenchimento de ficha de campo. Os entrevistados possuem percepções diferentes acerca de aspectos negativos, variando de acordo com a praia frequentada, com a praia do Pina possuindo menos atrativos negativos do que a praia de Boa Viagem. Em relação à presença dos arenitos de praia na orla, houve uníssono positivo para a importância das formações areníticas na proteção tanto da costa, quanto de quem frequenta ambas as praias. Em relação aos serviços ecossistêmicos, a praia se mostrou com nuances heterogêneas e diferenciações características entre si, com setores apresentando maiores índices de um determinado tipo de serviço do que outros, com destaque para o Parque Dona Lindu, no segundo setor e massiva presença de vegetação na zona antepraia no quarto setor. Houve a constatação de que os setores com maior aporte de serviços de regulação e suporte possuíam mais atrativos físicos e sociais para os usuários.

 

 

 

A B S T R A C T

This research sought the specifications of the differences on environmental perception and ecosystem services applied on the beaches of Pina and Boa Viagem, located in the city of Recife, Pernambuco. In order to obtain the characterization of different perceptions that the visitors have about the beach, the beachrocks and to inventory the ecosystem services. Two methodological tools were used, they are: questionnaire applications and field file completion, respectively. The interviewees have different perceptions about negative aspects, varying according to the beach frequented, with Pina beach having less negative attractions than Boa Viagem beach. In relation to the presence of beachrocks on the shore, there was a positive unison for the importance of beachrock formations in protection of both the coast and those who frequent both beaches. In relation to ecosystem services, the beach was shown with heterogeneous nuances and differentiations characteristic of each other, with sectors presenting higher rates of a certain type of service than others, especially the Dona Lindu Park, in the second sector and massive presence of vegetation in the shoreface zone in fourth sector. It was obsereved that sectors with the greatest contribution of regulation and support services had more physical and social attractiveness for the users.

Keywords: environmental perception; ecosystem services; beach.


Palavras-chave


percepção ambiental; serviços ecossistêmicos; praia.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, D.C. Modelagem e valoração de serviços ecossistêmicos: uma contribuição da economia ecológica. Tese de Doutorado, Instituto de Economia – UNICAMP, 268p., 2010.

ANDRADE, D. C.; ROMEIRO, A. R. Capital Natural, Serviços Ecossistêmicos e Sistema Econômico: rumo a uma Economia dos Ecossistemas. In: XXXVII Encontro Nacional de Economia (ANPEC), 2009, Foz do Iguaçu-PR. Anais do XXXVII Encontro Nacional de Economia, 2009.

BOCKSTAEL, N. A.; FREEMAN, A. M.; KOOP, R. J.; PORTNEY, R. P.; SMITH, K. K. On measuring economic values for nature – Environ. Science Technological, v. 34, p. 1384-1389, 2000.

CARVALHO, A. G.. Turismo e Produção do Espaço no Litoral Pernambucano. In: Caroline Marques. (Org.). Turismo: Múltiplos Olhares, Novos Desafios. 01ed.Recife: Carpe Diem v. 01, p. 19-52, 2013.

COSTANZA, R.; D’ARGE. R.; DE GROOT, R.; FARBER, S.; GRASSO, M.; HANNON. B.; LIMBURG. K.; NAEEM, S.; O’NEILL, R. O.; PARUELO, P.; RASKIN, R. G.; SUTTON, P.; DEN BELT, M.. The value of the world’s ecosystem services and natural capital. Nature, v. 387, p. 253-260, 1987.

CONSTANZA, R. What is Ecological Economics? Ecological Economics, v. 1, p. 1-7, 1989.

DE GROOT, R. S. ; WILSON, M. A. ; BOUMANS, R. M. J. A typology for the classification, description, and valuation of ecosystem functions, goods and services. Ecological Economics, v. 41, p. 393-408, 2002.

FINEP/UFPE. Monitoramento Ambiental Integrado – MAI-PE. Relatório Final – Vol. 1. Financiadora de Estudos e Projetos – FINEP, Recife, 485 p, 2009.

HEIN, L.; KOPPEN, K.; DE GROOT, R. S.; IERLAND. E. C. . Spatial scales, stakeholders and the valuation of ecosystem service. Ecological Economics, v. 57, 209 – 228, 2006.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo demográfico 2010. Rio de Janeiro, 2011.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA (IPEA). Configuração atual e tendências da rede urbana do Brasil. Brasília. Série Caracterização e Tendências da Rede Urbana do Brasil, vários volumes. IPEA; IBGE; Nesur/IE/Unicamp, 2002.

MEA - MILLENNIUM ECOSYSTEM ASSESSMENT. Ecosystem and Human WellBeing: a framework for assessment. Washington, DC.: Island Press. 2003.

OLIVEIRA, F. P. Percepção Ambiental e Gestão do Meio Ambiente de Toritama (PE) - Estudo da percepção de diferentes atores sociais sobre o rio Capibaribe. Dissertação de Mestrado apresentado ao Programa de Pós-Graduação em Gestão e Políticas Ambientais. 140p., 2007.

ROMEIRO, A. R.; MAIA, A. G.. Avaliação de custos e benefícios ambientais. Cadernos ENAP, v. 1, p. 1-51, 2011.

SANTOS, P. H. G. A percepção ambiental em Rios Urbanos: O caso do Rio Capibaribe em São Lourenço da Mata- PE. Dissertação de Mestrado apresentado ao Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal de Pernambuco. 90p, 2015.

SANTOS, R. C.; SILVA, I. R. Serviços ecossistêmicos oferecidos pelas praias do município de Camaçari, Litoral Norte do estado da Bahia, Brasil. Cadernos de Geociências, v. 9, n. 1, p. 47 – 56, 2012.

TUAN, Yi-Fu. Espaço e lugar: a perspectiva da experiência. Tradução Lívia de Oliveira. São Paulo: Difel 250p, 1983.

TUAN, Yi-Fu. Topofilia: um estudo da percepção, atitudes e valores do meio ambiente. Tradução Lívia de Oliveira. São Paulo: Difel. 288p, 1980.

VOUSDOUKAS, M. I. et al., Implications of the cementation of beach sediments for the recreational use of the beach, Tourism Management. Disponível em: doi:10.1016/j.tourman.2008.09.007, 2008.




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v12.4.p1238-1251

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License