EPIDEMIOLOGIA DA COVID-19 NA CIDADE DE CAMBÉ, PARANÁ: estudo de caso das consequências dos 120 dias desde o 1º caso confirmado

Carlos Cassiano Dalto, Breno Nogueira Coltro, Jeani Delgado Paschoal Moura

Resumo


No debate atual sobre a pandemia da COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, existe uma crítica por parte da população, gestores públicos e empresariado à estratégia do isolamento social, em que defende-se que os impactos econômicos do isolamento são maiores que seus benefícios em termos de saúde pública. Argumenta-se que a eventual restrição de contato social deveria ser direcionada aos grupos de risco desta pandemia, indivíduos com mais de 60 anos de idade ou que sejam portadores de doenças crônicas. O objetivo deste estudo foi avaliar os impactos econômicos e sociais durante e/ou após o isolamento social em um período de 28 dias de atividades econômicas e sociais restritas para a população de Cambé-PR. A metodologia quanti-qualitativa de caráter investigativo foi realizada por meio de observações in loco, além de pesquisas bibliográficas e análise documental. Conclui-se, que o primeiro caso confirmado foi em 27 de março de 2020. Após a flexibilização em 20 de abril, verificou-se que os casos de Covid-19 aumentaram em média de 5,9/dia, além de 13 óbitos e 583 casos confirmados até 28 de julho de 2020, além de 384 pessoas perderam seus empregos formais em 2020 e 20.830 habitantes recebem o auxílio emergencial do governo federal.


Palavras-chave


Pandemia; Saúde Pública; Atividades Econômicas e Sociais; Flexibilização

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Carlos Cassiano Dalto, Breno Nogueira Coltro, Jeani Delgado Paschoal Moura

 

 

 

 

Indexadores e Bases bibliográficas:

                    

      

 

 

 

Programa de Pós Graduação em História - PGH UFRPE

Universidade Federal Rural de Pernambuco

Rua Dom Manuel de Medeiros, s/nº

Dois Irmão, Recife, PE, CEP: 52171-010

Prédio Professor Ariano Suassuna (1º Andar) 

ISSN: 2525-6092

 

 

 

Licença Creative Commons

A Revista Rural & Urbano está licenciado com uma Licença Creative Commons