ENSINO BÁSICO MODULAR:MEMÓRIAS DO SUDESTE DO PARÁ

Tiese Rodrigues Teixeira Júnior

Resumo


O artigo reflete sobre a educação básica pública modular na região sudeste do Pará, a partir de um corpus extraído das memórias de estudantes que participaram do sistema de organização modular de ensino. A rede teórica é formada pelas categorias memória, Halbwachs (2006) e Campus e habitus em Bourdieu (1997). As reflexões indicam que o ensino modular deixou um resultado educativo positivo, expresso nas subjetividades aqui analisadas.


Palavras-chave


Ensino Modular; Memória; Amazônia

Texto completo:

PDF EPUB

Referências


BOURDIEU, Pierre. A economia das trocas simbólicas. São Paulo: Perspectiva, 2002.

BOURDIEU, Pierre. A Produção da Crença. Porto Alegre: Zouk, 2001.

BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2009.

BOURDIEU, Pierre. O Senso Prático. Petrópolis: Vozes, 2003.

BATISTA, Djalma. Amazônia Cultura e Sociedade. Manaus: Valer, 2006.

CHARLOT, Bernard. Os jovens e o saber: Perspectivas mundiais. Curitiba: Armed, 2001.

FRANÇA, Jane da Silva. ENSINO MÉDIO MODULAR E SEUS REFLEXOS NA PERMANÊNCIA DA JUVENTUDE NO CAMPO: o caso do Brejo do Meio município de Marabá-PA.

HALWACHS, Maurice. A memória coletiva. São Paulo: Centauro, 2006.

MIRANDA, Rogério. (Contra )Hegemonia e território do Movimento dos trabalhadores rurais sem terra(MST) no sudeste paraense. São Paulo: Usp, 2017

OLIVEIRA, Myriam Cyntia Cesar. Recorte da tese intitulada “ Diversidade socioambiental e dinâmicas da relação sociedade-natureza na área de fronteira agrária do sudeste do Pará”,UFRS, 2007.

PEREIRA, Rosenildo da Costa. Sistema de Organização Modular de Ensino (SOME) e a inclusão social dos jovens e adultos do campo. Belém: Margens, 2016.

PETIT,Pere.Chão de Promessas: Elites políticas e transformações econômicas no Estado do Pará pós-1964.Belém; paka-tatu, 2003.




 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.


                                         INDEXADORES

       
 
 
  
 
   
 
 
                                          BUSCADORES 
                                  


                                                      
                                           
                                              MÉTRICAS 
 
GOOGLE ACADÊMICO: https://scholar.google.com.br/citations?hl=pt-BR&user=BbrMvUMAAAAJ