Microclima e Conforto Térmico na Área da Mata da Bica no Município de Portalegre/RN

Iáskara Michelly de Medeiros Silveira, Rodrigo Guimarães de Carvalho

Resumo


A cidade de Portalegre, localizada na Região Oeste do estado do Rio Grande do Norte, está situada no topo de uma serra com cerca de 650 m de altitude. O relevo justifica uma condição climática de excepcionalidade ao contexto geral do semiárido, com chuvas mais abundantes e uma temperatura mais amena. As condições ambientais tornam-se mais singulares devido à presença de brejos de altitude, sendo o mais conhecido deles a Mata da Bica, que se localiza no entorno da área urbana. A área do brejo foi transformada em um Terminal Turístico e mantém uma mata arbórea, uma nascente com espelho d’água e uma bica. A problemática desta pesquisa é compreender se na Mata da Bica, as condições de temperatura e umidade relativa do ar são mais confortáveis em função da manutenção da cobertura vegetal e se esse serviço ambiental é um motivador da visitação. Foram realizadas duas coletas de dados para monitoramento da temperatura e da umidade durante 24 h em três pontos com coberturas do solo diferentes: o ponto 1 na Mata da Bica; o ponto 2 na área urbana; e o ponto 3 na zona rural. Junto a isso, foi verificada a opinião da população quanto ao conforto térmico na Mata da Bica e na área urbana. Confirmando a hipótese da pesquisa, a área de menor temperatura e maior conforto térmico foi a Mata da Bica, e obteve-se a indicação de que a condição climática do local é um dos serviços ambientais responsáveis pela atração turística.

 

 

 

A B S T R A C T

 

The city of Portalegre, located in the West Region of the state of Rio Grande do Norte, is on the top of an approximately 650 m altitude scarp. The relief justifies a weather condition of exceptionality to the general semi-arid context, with more abundant rains and milder temperatures. Environmental conditions become more peculiar due to the presence of high altitude marshes, being Mata da Bica the best-known, located in the surroundings of the urban zone of Portalegre. The marsh area was transformed into a Tourist Terminal. It features an arboreal, a spring with water surface and a water fountain. This research aims to understand if, at Mata da Bica, the temperature and air relative humidity conditions are more comfortable depending on the maintenance of the plant cover and if this environmental service motivates visitation. Two data collections were conducted to monitor the temperature and humidity for 24 h on three areas with different ground covers: area 1 at Mata da Bica; area 2 in the urban zone; and area 3 in the rural zone. The data collected were analyzed, and the opinion of the population was verified regarding thermal comfort at Mata da Bica and in the urban zone. As expected, the area with the lowest temperature and highest thermal comfort was Mata da Bica, and it was also confirmed that the weather is one of the environmental services responsible for tourist attraction.

 

Key words: Thermal comfort. Environmental service. Urban climate.

 


Palavras-chave


Conforto térmico. Serviço ambiental. Uso e ocupação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v9.1.p062-078

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License