Roteiro teórico-metodológico para a pesquisa em Geomorfologia Estrutural

Marcelo Martins Moura-Fé

Resumo


Metodologicamente, a pesquisa com ênfase nos aspectos evolutivos do relevo apoia-se em diferentes pressupostos teóricos e metodológicos, fazendo com que não se tenha o estabelecimento de caminho teórico-metodológico pronto, a ser aplicado e seguido. Nesse contexto de indefinição ou imprecisão que, para alguns, pode ser interpretado como um problema, para outros, pode ser visto como um campo fértil de possiblidades e inovações. Neste trabalho, o objetivo principal é o de apresentar uma dessas possibilidades, mais precisamente, um roteiro teórico-metodológico para a pesquisa em geomorfologia estrutural. De maneira geral, esse roteiro tem ênfase na análise morfoestrutural, alicerçada nos princípios morfoestratigráficos e na teoria da etchplanação. Associado, há um contingente metodológico compartimentado em etapas de gabinete, com levantamentos bibliográfico e cartográfico, na realização de levantamentos de campo e na análise integrada de todos os dados na etapa de laboratório.  Assim, sob a inspiração teórica de Penck e os postulados modernos da geomorfologia estrutural pode ser desenvolvido o trabalho de compartimentação e análise geomorfológica de qualquer região, etapas fundamentais para a compreensão dos processos evolutivos pretéritos e atuais.


Palavras-chave


Morfoestrutura; Morfoescultura; Morfoestratigrafia; Etchplanação; Metodologia.



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Revista Brasileira de Geografia Física - eISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License