Uma breve problematização do conceito de romance de 30 em diálogo com a decadência dos personagens em Fogo Morto de José Lins do Rego

Camila Taís Silva

Palavras-chave


Literatura; Romance de 30; Fogo morto

Referências


ANDRADE, Mário de. Fogo morto. In: REGO, José Lins do. Fogo morto. Rio de Janeiro: José Olympio, 2017.

BARBOSA, Alaor. O Romance Regionalista Brasileiro. Brasília: LGE, 2006.

BOSI, Alfredo. História concisa da literatura brasileira. São Paulo: Cultrix, 2013.

BUENO, Luís. Uma história do romance de 30. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo; Campinas: Editora da Unicamp, 2006.

DACANAL, José Hildebrando. O romance de 30. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1986.

OLIVEIRA, I. C. C. B. Fogo morto e a recepção da crítica literária. Imburana, Rio Grande do Norte, n 4, pp. 45-58 , jul./dez. 2011.

REGO, José Lins do. Fogo morto. São Paulo: Klick editora, 1997.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Autor, concedendo à revista o direito à primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:1984-7408

 

Licença Creative Commons
Esta revista possui trabalhos licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.