QUAIS SÃO OS ESPAÇOS SEGUROS PARA AS HOMOSSEXUALIDADES?

Anderson Ferrari, Luiz Davi Mazzei

Resumo


O título do artigo representa o foco da nossa análise: quais são os espaços seguros para as homossexualidades? Essa é a questão que nos move nesta escrita que toma as provocações de Patrícia Hill Collins e Judith Butler para problematizar a constituição das homossexualidades vinculada aos espaços seguros para falar de si, para resistir e para construir novas maneiras de ser e estar no mundo. A perspectiva teórico-metodológica que orienta nossas análises é a pós-estruturalista, de inspiração foucaultiana, que toma a constituição dos sujeitos como resultado dos discursos, atravessados por relações de saber-poder.


Palavras-chave


espaços seguros, homossexualidades, resistências.

Texto completo:

PDF

Referências


BUTLER, Judith. Corpos que importam: os limites discursivos do “sexo”. São Paulo: n-1 edições, 2019.

_______. Corpos em aliança e a política das ruas: notas para uma teoria performativa de assembleia. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2019b.

COLLINS, Patrícia Hill. Pensamento feminista negro: o poder da autodefinição. In: HOLLANDA, Heloisa Buarque. Pensamento feminista: conceitos fundamentais. Rio de Janeiro: Bazar do Tempo, 2019.

ELLSWORTH. Elizabeth. Modos de endereçamento: uma coisa de cinema; uma coisa de educação também. In: SILVA, Tomaz Tadeu da. Nunca fomos humanos - nos rastros do sujeito. Belo Horizonte: Autêntica, 2001.

FERRARI, Anderson. “Quem sou eu? Que lugar ocupo?” - Grupos Gays, Educação e a construção do Sujeito Homossexual. Tese de doutorado defendida em 2005, Faculdade de Educação Unicamp, 2005.

FOUCAULT, Michel. História da Sexualidade I: a vontade de saber. Rio de Janeiro: Graal, 1988.

_______. É inútil revoltar-se? In: FOUCAULT, Michel. Ética, Sexualidade, Política. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2006.

LOURO, Guacira Lopes. Cinema e Sexualidade. Revista Educação e Realidade, v. 33, nº 1, Porto Alegre: Editora UFRGS, 2008.

STUMM, Eugênio; WEINMANN, Amadeu. O cinema como criador de próteses: uma análise díldica de Os rapazes nas calçadas. Revista Periódicus, v.11, nº 1, 2019.

VILHENA, Junia; SOUZA, Alberto Carneiro Barbosa; UZIEL, Anna Paula; ZAMORA, Maria Helena; NOVAES, Joana V. Que família? Provocações a partir da homoparentalidade. Revista Mal-Estar e Subjetividade, Fortaleza, vol.11 nº 4, 2011.




DOI: https://doi.org/10.32359/debin2020.v3.n11.p30-52



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.