Modelo Digital de Elevação Hidrologicamente Consistente para a bacia do rio Doce: Elaboração e Análise (Conditioning hydrographic digital elevation model to rio Doce watershed: preparation and analysis)

Fernando Angelo Couto Cardoso, Deborah Luiza Poletto de Paula, Roberto Cezar de Almeida Monte Mor, James Lacerda Maia, Eliane Maria Vieira

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo a delimitação da bacia hidrográfica do rio Doce, que se encontra nos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, e a elaboração do MDEHC em comparação com o MDE da mesma área, para a delimitação das Áreas de Preservação Permanente de topo de morro. Para a delimitação da bacia e a elaboração do modelo foi empregado o SIG ArcGIS e como base de dados o GDEM do ASTER e hidrografia disponibilizada pela ANA, foi empregada uma composição colorida do satélite LandSat RGB-345, para a verificação dos resultados e correção das falhas detectadas durante a execução do trabalho. Os resultados obtidos demonstraram a necessidade de modelos com qualidade satisfatória, para o correto desenvolvimento da metodologia de geração do modelo hidrológico, visto que houve variação na direção de fluxo com a mudança do MDE para o MDEHC. Também houve variação nos valores de altitude, dos dois modelos, enquanto que o valor o valor máximo obtido no MDEHC foi de 2637 m contra 2868 m no MDE. Esta variação na altitude é devida ao emprego da ferramenta para a eliminação das depressões espúrias, demonstrando que esta deve ser empregada com cautela. A variação no limite gerado com o MDEHC, em relação ao limite da ANA, demonstrou a necessidade da implementação de uma rotina computacional no SIG para a delimitação de bacias onde o exutório é constituído por uma região.

 

 

 

A B S T R A C T

This study aims at delineation of rio Doce watershed, located in states of Minas Gerais and Espirito Santo, and the preparation of the Conditioning Hydrografic Digital Elevation Model (CHDEM), for the delineation of areas of permanent preservation on top of hills. For the delineation of the watershed and the development of the model was used the software ArcGIS® and as database the Global Digital Elevation Map (GDEM) of the Advanced Spaceborne Thermal Emission and Reflection radiometer (ASTER) including the Hydrography provided by Agência Nacional de Águas (ANA). It was made a color composite Landsat RGB-345 satellite, for the verification of the results and correction of faults detected during the execution of the work. The results showed the need for models with satisfactory quality to correct development of the hydrological model generation methodology, as there was variation in the flow direction with the change of the DEM for CHDEM. There was also variation in altitude values ​​of the two models, while the maximum value obtained in CHDEM was 2637 m against 2868 m in DEM. This variation in altitude is due to the use of the tool to eliminate spurious depressions, demonstrating that this should be used with caution. The variation in the boundary generated using CHDEM in relation to the ANA limit, showed the necessity of implementing a Geographic Information System (GIS) computational routine for delineation the watersheds where mouth comprises a region.

Keywords: Hidrologyc model, ASTER, Geoprocessing.

 

 


Palavras-chave


Modelo Hidrológico; ASTER; Geoprocessamento

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v9.6.p1978-1989



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License