Adequabilidade do uso agrícola das terras do sertão central do Ceará (Adequability of agricultural land use on the central hinterland of Ceará)

João Victor Alves Amorim, Jéssica Cristina Oliveira Frota, Gustavo Souza Valladares, Léya Jessyka Rodrigues Silva Cabral, Clécia Cristina Barbosa Guimarães, Ricardo Marques Coelho, Renê Pedro de Aquino

Resumo


O Nordeste brasileiro historicamente é uma das regiões que mais exercem pressão sobre os recursos naturais. Nesta região o tipo climático predominante é o semiárido, que passa por uma faixa de transição semiúmida. Ocorrem, em grande parte dessa região, solos de média a alta fertilidade natural, em geral pouco profundos em decorrência de seu baixo grau de intemperismo. O objetivo do presente manuscrito é avaliar a adequabilidade do uso agrícola das terras de uma área no sertão central do Estado do Ceará, levando-se em consideração que os solos no semiárido brasileiro apontam a agricultura de subsistência como uma das causas de impactos ambientais negativos, assim como o uso de tecnologias inadequadas, além da pressão antrópica para diversas finalidades. Os resultados apresentados são fruto do cruzamento do mapa de uso e cobertura das terras com o mapa de aptidão agrícola. Com base no mapeamento verificou-se que os solos da área apresentam restrições quanto a determinados tipos de uso, como para lavouras, além de nenhuma aptidão para silvicultura. Também verificou-se que a maior parte das terras encontra-se subutilizada, ou seja, com outros usos, principalmente pastagem e vegetação nativa. Porém, o que requer maior cuidado são as terras sobreutilizadas.

 

 

 

A B S T R A C T

The Brazilian Northeast is historically one of the regions that put more pressure on natural resources. In this region the predominant climate type is semiarid, which passes to zone of semiwet transition. Occur in this region, soils with medium to high natural fertility, in general, shallow, due their low degree of weathering. The objetive of this manuscript is to evaluate the adequability of the agricultural land use of an area in the central hinterland of Ceará State. The soils in the Brazilian semiarid are used by subsistence farming, which suggests negative environmental impacts, as well as the use of inappropriate technologies, in addition of the human pressure for several purposes. The data presented are the result of crossing between land use and cover map and agricultural suitability map. Based on the mapping was found that the soils of the area present restrictions to certain types of use, such as farming, and no capability to silviculture. Also it was found that most of the land is underutilized, with another uses, particularly grassland and natural vegetation. However, more care are required for super utilized lands.

Keywords: GIS, fragility, agricultural management, semiarid. 


Palavras-chave


SIG; Fragilidade; Manejo agrícola; Semiárido

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5935/1984-2295.20170012



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License