GEOLOGIA DA PORÇÃO CENTRO-LESTE DA BACIA SÃO JOSÉ DO BELMONTE, PERNAMBUCO, NE DO BRASIL

Wilson Andrade Freitas, Mario Ferreira Lima Filho, Valdielly Larisse Silva, Sonia Agostinho, Enelise Katia Piovesan

Resumo


Este trabalho apresenta os resultados do mapeamento geológico em escala 1:50.000 de uma área de 350 Km2 na porção centro-leste da Bacia de São José do Belmonte, localizada entre os municípios de Verdejantes e São José do Belmonte - PE. Utilizando aspectos de campo, análises petrográficas e bioestratigráficas, foram cartografadas sete unidades litoestratigráficas, quatro delas pertencentes ao embasamento da bacia: o Complexo São Caetano, composto por paragnaisses intercalados com quartzitos; o Complexo Riacho Gravatá, formado por rochas metapelíticas, metavulcânicas e quartzitos; sienitos milonitizados; e rochas graníticas. As unidades sedimentares incluem a Formação Cariri, composta por conglomerados e arenitos grossos a médios; a Formação Brejo Santo, que compreende folhelhos e argilitos; e a Formação Missão Velha, composta por arenitos grossos a finos. Bioestratigrafia baseada em ostracodes não marinhos em folhelhos vermelhos obtiveram espécie-guia da biozona NRT-001 (Andar Dom João), idade Jurássico Superior, o que permitiu correlacionar esses depósitos à Formação Brejo Santo da Bacia do Araripe, e assim posicionar as demais unidades. Estruturalmente, os metapelitos do complexo Riacho Gravatá apresentam foliação de baixo ângulo com transporte tectônico para SW. Rochas sieníticas com textura milonítica e foliação subvertical evidenciam tectônica transcorrente associada à zona de cisalhamento São José do Belmonte. Tanto as rochas graníticas, como as rochas sedimentares apresentam falhas sinistrais de direção N e NNE e falhas destrais de direções ENE e NNW.

Palavras-chave


Bacia de São José do Belmonte; Estratigrafia; Bioestratigrafia; Mapeamento Geológico; Bacias Interiores do Nordeste

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.